terça-feira, 7 de março de 2017

Noite de verão



Como posso aguentar a vontade de ouvir sua voz,

de sentir o supremo encanto do abraço, dos beijos e
carícias que nos fazem mergulhar no prazer e pacto?

Não consigo imaginar perfeição maior que uma noite
de verão com uma chuva fina, e você chegando tão
doce, gentil e sedento da loucura da paixão e sedução.

Como não querer sempre tua presença, as nossas conversas,
os segredos, o olhar de cumplicidade, o carinho, a energia
de vida refletida em minha história?

Impossível enganar a mim mesma, e interpretar.
A verdade única é que amo, mesmo impedida e
sendo  o tempo o pior dos algozes e inimigos de
meu amor por você, não há ponto final, há um
querer ouvir indagações sinceras e muito além
do que simples palavras.

Rosicler Fátima Tomaz Pereira Schäfer




Nenhum comentário:

Postar um comentário