sábado, 12 de dezembro de 2015

SOBRE A INDIGNIDADE DE "ALGUNS INTERNAUTAS" -II

SOBRE A INDIGNIDADE DE "ALGUNS INTERNAUTAS" -II


Leitores...
            No dia 07 de dezembro postei a primeira parte sobre o que intitulo como indignidade de "alguns Internautas", naquela ocasião relatou-se brevemente fatos já amplamente conhecidos nas redes sociais, que infelizmente revelam que o caminhar da humanidade em termos de crescimento econômico, comodidades, facilidades em todos os sentidos da vida cotidiana são inúmeras. 
         Porém, em uma análise um pouco mais aguçada nota-se que o caminhar de muitos indivíduos não seguem as mesmas trilhas de partilha: desejo de paz mundial; combate a fome; de acabar com as epidemias, com todos os tipos de violência e discriminação de qualquer espécie. 
       Uma parcela de caminhantes deixa pegadas obscuras por todos os lugares onde passam, corporações, grupos financeiros, organizações de projetos e políticas públicas e com o dinheiro que possuem compram o "conhecimento". Assim, manipulam a realidade, transformando o resto dos caminhantes em obreiros tranquilos e que alimentam com o seu labutar a máquina do século XXI, a INTERNET e suas redes sociais, seus sites - os quais deveriam ser para informar, globalizar conhecimento útil, partilhar e promover a igualdade entre os povos, fazer e cumprir os preceitos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.
         Infelizmente, nem tudo o que acontece na internet é confiável, repito e saliento "alguns internautas", apenas querem manipular dados de setores econômicos, políticos e sociais de várias Nações do mundo; raquear contas bancárias, enganarem pessoas indefesas emocionalmente em sites de relacionamento - os scammers, fazerem uso indevido da imagem.
Fonte:tecmundo.com.br, 2015
        Transformando dessa maneira, um benefício tecnológico fundamental, em uma ameça, por isso, quando alguém sentir-se lesado é vital denunciar para as autoridades competentes, assim como fazer uso da própria INTERNET, essa maravilha que aproxima ideias, emoções, amizades, carinhos, compreensão e amor.Na parte III, contarei, alguns fatos interessantes, até mais, um lindo fim de semana.
Rosicler Fátima Tomaz Pereira Schäfer. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário